Preso no mastro do iate dos Beatles

Funchal, 31 Jan (Lusa) – Um praticante alemão de parapente embateu hoje e ficou suspenso num dos mastros do iate “Vagrant”, que foi propriedade dos Beatles e agora é um estabelecimento de restauração na marginal do Funchal.

Aquele “parapentista” lançou-se da rampa do Chão da Lagoa (Parque Ecológico do Funchal) com um amigo, num voo que decorreu com toda a normalidade até à zona do Monte, quando foram apanhados pelo vento.

Enquanto um deles ficou suspenso no mastro da embarcação, a cerca de 20 metros do solo, tendo sido retirado por uma equipa de montanhismo dos Bombeiros Voluntários Madeirenses, o outro embateu contra uma árvore da Avenida do Mar e caiu no toldo do restaurante.

Os dois praticantes alemães de parapente, um guia de montanha e outro funcionário do grupo hoteleiro Pestana, residem na Madeira há dois e cinco anos, respectivamente, e saíram ilesos do acidente.

O voo durou cerca de 35 minutos e abrangeu um percurso de oito quilómetros.

EC/AMB
Lusa/Fim
Luis Pinheiro de Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s